logomarca

Evangelho de Lucas

imprimir tamanho da letra: A- normal A+

Cap 1 –Este evangelho foi escrito por Lucas para Teófilo. Gabriel anuncia o nascimento de João para Zacarias e Isabel. Gabriel anuncia o nascimento de Jesus para Maria. O encontro de Maria com Isabel. O cântico de Maria. O nascimento de João Batista. Ocântico de Zacarias. João cresceu e viveu no deserto até se revelar para Israel.

Cap 2 –O nascimento de Jesus Cristo. Os anjos e os pastores. Circuncisão de Jesus. Jesusé apresentado no templo. O cântico de Simeão.  As profecias de Ana. O menino Jesus em Nazaré o Menino Jesus no meio dos doutores no templo.

Cap 3 –A pregação de João Batista para o batismo nas águas para arrependimento. João dá testemunho de Jesus que aquele que não é digno de desatar as correias das sandálias e vai batizar com o Espírito Santo. O batismo de Jesus. A genealogia de Jesus Cristo.

Cap 4 –A tentação de Jesus. Jesus volta para a Galiléia e principia a sua missão. João foi preso por Herodes.  Jesus prega em Nazaré. É rejeitado pelos seus. A cura de um endemoninhado em Cafarnaum. A cura de sogra de Pedro. Muitas outras curas. Jesus vai a um lugar deserto, a multidão pede para não deixá-los e, porém, precisa anunciar em outros lugares.   

Cap 5 –A pesca maravilhosa, Jesus utilizou o barco de Pedro para anunciar o evangelho. Depois, levou-os para pescar e foi uma coisa inacreditável. Jesus chamou Pedro para pescador de almas. João, Tiago e André também foram convocados. A cura de um leproso. A cura de um paralítico em Cafarnaum.  Jesus torna um publicano em discípulo, é o chamado de Levi. Jesus come com pecadores, todos os julgam. Porém, disse: que o médico vem para os doentes. Assim, ele veio para os pecadores arrependidos. Jesus é questionado quanto ao jejum. Os seus discípulos não jejuam, mas dos fariseus e os de João jejuam. Jesus explicou que alegria não pode ser retirada quando o noivo se encontra.

Cap 6 –Jesus é senhor do sábado. O homem da mão ressequida. A escolha dos doze apóstolos e os seus nomes: Simão, a quem deu o nome de Pedro; seu irmão André; Tiago; João; Filipe; Bartolomeu; Mateus; Tomé; Tiago, filho de Alfeu; Simão, conhecido como Zelote; Judas, filho de Tiago; e Judas Iscariotes, que se tornou traidor. Jesus cura muitos enfermos. As bem-aventuranças. Os pesares de Jesus. Da vingança. Do amor ao próximo. O juízo temerário é proibido. A parábola do cego que guia a outro cego. Árvores e seus frutos. Os dois fundamentos: parábola do sábio e do insensato.   

Cap 7 –A cura do servo de um centurião em Cafarnaum, que demonstrou fé e pediu que Jesus enviasse uma palavra. Jesus ressuscitou o único filho da viúva quando passava em Naim. João enviou os mensageiros a Jesus, para saber quem ele é. Operou sinais como provas para falar a João. Jesus dá testemunho de João: homem simples e não luxuoso; o mensageiro que veio para preparar o caminho diante de mim. É mais que um profeta. A pecadora que ungiu os pés de Jesus.

Cap 8 –As mulheres que contribuíam com seus bens para o ministério de Jesus. A parábola do semeador: a pregação do evangelho para quatro tipos de pessoas, três não permanecem e o último entende e vive. A parábola da candeia: Para iluminar e trazer o que está oculto. A família Jesus: é aquele que ouve a palavra de Deus e pratica. Jesus acalma uma tempestade. A libertação de uma possessão chamada Legião de um homem na região dos gerasenos. Os gerasenos rejeitam a Jesus. O pedido de Jairo para sua filha doente. A cura de uma mulher enferma de hemorragia. A ressurreição da filha de Jairo.

Cap 9 –As instruções para os doze: pregar o evangelho, cura e expulsar demônios e não ajuntar riquezas. Herodes tenta encontrar Jesus. A primeira multiplicação de pães e peixes. Pedro confessa que Jesus é o Cristo. Jesus prediz a própria morte e ressurreição. Os discípulos de Jesus deve levar a sua cruz. A transfiguração de Jesus para três discípulos. A cura de um jovem possesso lunático. De novo prediz Jesus a sua morte. O maior do reino dos céus é o menor e recebe uma criança em nome de Jesus. Jesus ensina a tolerância e amor. Os samaritanos não recebem Jesus. Jesus põe a provo os que queriam segui-lo.   

Cap 10 –A missão dos setenta e dois. Ai das cidades impenitentes. Os setenta e dois regressam felizes. O regresso dos setenta. A grande alegria de Jesus no Espírito é o salvador dos humildes. A parábola do bom samaritano. Marta e Maria a melhor escolha.

Cap 11 –A oração que Jesus ensinou seus discípulos. A parábola do amigo importuno: A insistência que devemos ter. Jesus incita a orar: pedir, buscar e bate a porta. O pai não nega ao filho o que precisa para viver.  A cura de um endemoninhado mudo. A blasfêmia dos fariseus. Jesus se defende. A estratégia de Satanás. A exclamação de uma mulher. O sinal de Jonas. A parábola de candeia: a luz ou trevas para saber do nossa essência para iluminar. Jesus censura os fariseus. Ai dos intérpretes da lei. O plano para tirar a vida de Jesus.

Cap 12 –O fermento dos fariseus. Algumas admoestações: Testemunhe sua fé ao mundo. Jesus reprova a avareza. A parábola do rico insensato.A ansiosa solicitude pela vida. A parábola do servo vigilante: se preparar para a volta de Cristo. Jesus traz fogo e dissensão a terra. Discernindo o final dos tempos. Advertência que devemos reconciliar contra adversário antes que sejamos colocados diante do tribunal. Por motivo que não sairemos antes de pagarmos tudo. 

Cap 13 –O Senhor Jesus advertiu que todos se arrependessem para não perecerem. A morte de alguns galileus e a queda da torre de Siloe não eram mais pecadores que os demais. A parábola da figueira estéril, o dono quis cortar, porque não produzia fruto. Porém, houve outra oportunidade. Jesus curou uma mulher enferma no sábado, que vivia encurvado durante dezoito anos. Houve hipocrisia das autoridades e Jesus os repreendeu e ficaram envergonhados e o povo se alegrava pelas maravilhas. A parábola do grão de mostarda. A parábola do fermento. A pergunta feita a Jesus: são poucos os que são salvos? Esforçai para entrar na porta estreita e não poderão.  Herodes quer matar Jesus. Jesus adverte que não vai parar sua obra. O lamento sobre Jerusalém que mata os profetas. O Senhor quer consola-los Até que venha o Senhor.  

Cap 14 –A cura de um homem inchado no sábado por Jesus. Os humildes serão exaltados, não sejam os primeiros e sim sejam últimos. A parábola de grande ceia: Foram convidadas os seus amigos para a ceia. Porém, todos estavam ocupados. A indignação com os convidados. Ordenou que saíssem e convidassem todos para a ceia. Contudo, os primeiros não participaram da ceia. O serviço de Cristo exige abnegação. É necessário avaliar para permanecer do lado de Cristo. Os discípulos, sal da terra.

Cap 15–Jesus recebe pecadores. A parábola da ovelha perdida. A parábola da moeda perdida. A parábola do filho pródigo.

Cap 16 –A parábola do administrador infiel: Jesus é o Senhor. O administrador é o servo de Cristo. Vai dá conta das suas obras. Se for injusta ou justa. Então, o homem não pode servir dois senhores. Não podemos servir Deus e nem o dinheiro. Jesus reprova os fariseus por causa da sua avareza. A lei e os profetas até João. Para conquistar o reino é por força. A nenhum til cairá da lei.  Acerca do divórcio. O rico e o mendigo: os dois morreram. Foram em lugares diferentes. O mendigo para seio de Abraão e outro para o abismo. O rico por suas obras más e o mendigo pela os males sofridos. O tormento era grande do rico e não queria que os seus cinco irmãos fossem para lá. Não podia nenhum morto voltar e eles acreditassem. Existia Moisés e os profetas. .

Cap 17 –Os tropeços que serão inevitáveis por causa de outros homens.  Quantas vezes se devem perdoar a um irmão. A cura de dez leprosos. A vinda do reino de Deus.

Cap 18 –A parábola do juiz iníquo, uma viúva pediu para julgar sua causa. Por motivo, da sua insistência julgou. Não podemos desistir de orar. A parábola dos fariseus e o publicano: quem será justificado será o publicano e não os fariseus, pelo fato de reconhecer o seu pecado. Jesus abençoa as crianças. O jovem rico que queria a vida eterna e não abriu mão das suas riquezas. O perigo das riquezas: é difícil entrar o rico não reino de Deus. Fácil passar o camelo pelo buraco da agulha. É impossível para os homens e possível para Deus. Jesus outra vez prediz sua morte e ressurreição. A cura do cego de Jericó. 

Cap 19 –Na cidade de Jericó Zaqueu um homem de baixa estatura subiu em uma figueira brava para ver Jesus. Jesus decidiu se hospedar em sua casa. Porém, era chefe dos coletores de impostos e rico. Todos reclamavam que Zaqueu era pecador. Por isso, Zaqueu se arrependeu e deu a metade dos bens para os pobres e pagou a indenização a quem lesou. Houve salvação e a missão de Jesus se cumpriu. A parábola das dez minas: O rei saiu para conquistar outra terra. Chamou dez dos seus servos lhe deu dez minas. E mandou que negociassem. Contudo, alguns não queriam que o rei governasse sobre eles. Depois houve o retorno do rei.  Chamou dois servos que foram fieis, aumentaram as minas e receberam autoridades sobre cidades. Mas, um trouxe no lenço e desagradou pelo seu relaxamento. Mandou que tirasse e entregasse aquele que tinha mais. Mandou matar os rebeldes que não quiseram o seu governo. O objetivo de Jesus era entrar em Jerusalém. Ao se aproximar em Betfage e Betânia, enviou dois discípulos para buscar um jumentinho para sua montaria. Foram estava no lugar e falou as palavras do Senhor quando questionados por levarem o animal. Quando entrou o povo louva-o pelos feitos e proclamavam: Bendito aquele que vem no nome do Senhor. Fariseus censuravam o povo e pediu que Jesus mandasse que parassem. No entanto, disse: as pedras clamaram.  Jesus à vista de Jerusalém chora pela destruição da cidade que vai ficar em ruína. A purificação do templo. Jesus ensinava no templo todos os dias e as autoridades judaicas tramavam para matá-lo e não conseguiram, o povo tendia ao Senhor.

Cap 20 –Existiu um questionamento malicioso da parte das autoridades judaicas para saber sobre a autoridade de Jesus. Jesus para impedi-los; perguntou sobre a origem do batismo de João. Não tiveram resposta. Então, o Senhor não respondeu. A parábola dos lavradores maus foi para explicar sobre a rejeição das autoridades a respeito de Jesus para que reinasse sobre Israel. A questão do tributo: Deve pagar imposto para o império romano. Jesus disse: Pague o imposto a Roma e pague o que é de Deus. Os saduceus e a ressurreição. O Cristo, filho de Davi. Jesus censura os escribas pela hipocrisia.

Cap 21 –A oferta da viúva pobre. A destruição do templo. O princípio das dores. Jerusalém sitiada. A vinda do Filho homem. A parábola da figueira. Exortação à vigilância. O povo vai ter com Jesus para ouvir. 

Cap 22 –Os principais dos sacerdotes e escribas planejavam como matar a vida de Jesus, estava próxima a festa da páscoa. Satanás (adversário) entrou em Judas Iscariotes que tramou com os líderes judaicos como trair e entregar a Jesus. Jesus enviou Pedro e João para a cidade, quando encontrasse um homem com cântaro de água seguisse até a casa. Então, diria ao dono da casa que o mestre pergunta: o lugar para que preparassem a páscoa. Vai mostrá-los um cenáculo mobília. Assim aconteceu como Jesus falou. A última Páscoa Jesus estava desejoso de comer os seus discípulos. Tomou o cálice e os serviu. Disse que o reino de Deus será cumprido até que de novo bebesse o fruto da videira. A ceia do Senhor quando tomou o pão e o vinho, como seu corpo e sangue, da nova aliança que estava firmando com eles. Houve uma discussão sobre que seria o maior. No entanto, o Senhor disse que não será como é com os gentios, o maior será o menor, não será o servido o maior e sim que serve. Pedro é avisado, pois, Satanás desejou destruí-lo e o Senhor orou. A fim de que sua fé não desfalecesse e convertesse para confirmar os irmãos. Pedro disse que estava pronto para ir à prisão e morrer. Porém, o Senhor disse que negaria três vezes que o conhecesse antes que o galo cantasse. Jesus no Gestsêmani. Jesus é preso, foi traído com um beijo de Judas Iscariotes. Pedro nega a Jesus conforme a palavras do Senhor. Os guardas zombam de Jesus. Jesus perante o Sinédrio para acusá-lo, pois o Senhor afirmou que estaria assentada a destra de Deus.  

Cap 23 –Jesus perante Pilatos que não encontrou nada para acusar o Senhor para crucificação. Então, Pilatos enviou Jesus perante Herodes que estava em Jerusalém.  Porém, pensou que faria um sinal e não respondeu nada e nada fez. Herodes desprezou com seus soldados e o retornou para Pilatos. Contudo, o desejo de Pilatos era açoita-lo e libertá-lo. Houve uma influência da parte da multidão dos líderes para soltar Barrabas e crucificar a Jesus. Pilatos cedeu e o Senhor Jesus foi condenado. Simeão leva a cruz de Jesus. Jesus rumo ao calvário. A crucificação. Os dois malfeitores. A morte de Jesus. O sepultamento de Jesus.

Cap 24 –A ressurreição de Jesus aconteceu no terceiro dia: Domingo. As mulheres quando chegaram no tumulo estava vazia e tristes quando apareceram dois anjos que falaram que estava vivo. Foram avisar os apóstolos e não creram. Até que Pedro veio e viu, ficou admirado. Jesus apareceu para dois discípulos no caminho de Emaús e o não lhe conheceram. Foi ensinando sobre as escrituras sobre Cristo. Até que chegou em Casa se revelou e desapareceu. Jesus aparece aos discípulos e mostrou que era carne e osso para saber que era verdade. Jesus explica as Escrituras. Jesus subiu para o céu.  

Deixe seu comentário
Sem comentários cadastrados.